es Español
Desafios e oportunidades de IA, Big Data e economia digital

IA, Big Data e a economia digital

Desafios e oportunidades

INTRODUÇÃO AO CONGRESSO
 
Fide Foundation é um think tank líder nos campos jurídico e econômico. Tem sede em Madrid. Seus membros são compostos por profissionais líderes dos setores privado e público na Espanha e além. Em setembro de 2018, FIDEO comitê internacional da empresa começou a orientar o trabalho em seu Congresso inaugural a ser realizado no Jesus College, Universidade de Oxford, em setembro de 2019.
 
O objetivo deste Congresso é reunir um grupo de profissionais com larga experiência no assunto para que, a partir de diferentes perspetivas, valendo-se de áreas de conhecimento e competências de diversos países, seja possível discutir e analisar os temas que foram detalhados no programa. Em última análise, o nosso objetivo é articular um conjunto de conclusões e recomendações que se pretende publicar e divulgar com vista à sua apreciação pelas autoridades competentes.
 
Para isso, faremos uma série de apresentações, painéis, debates e sessões de trabalho. Os Grupos de Trabalho servirão para trabalhar os diferentes temas, a fim de construir um conjunto de conclusões e propostas sobre os temas discutidos.
Durante o ano letivo de 2018/19 que antecede este Congresso, estão sendo realizadas reuniões sobre esses assuntos em Madri. O pensamento emergente desses grupos será compartilhado com antecedência e analisado no Congresso.
 
Os participantes nas sessões preparatórias realizadas em Fide são apresentados abaixo (*). As datas do Congresso são de 16 a 18 de setembro de 2019. O congresso terá início no dia 16 de setembro às 2.00h e se encerrará no dia 18 de setembro às 3.00h. 

DIRETORES DE CONGRESSOS

CB, DL, advogado, consultor da Eversheds Sutherland (International) LLP e membro do FIDEConselho Acadêmico

CHRISTOPHER MUTTUKUMARU

Presidente e fundador da Fide Fundação.

CRISTINA JIMENEZ

COORDENADORES

Diretor-gerente, Fide Fundação.

CARMEN HERMIDA

Coordenador acadêmico, Fide Fundação.

VICTORIA DAL LAGO

OBJETIVOS

O Congresso centrar-se-á na análise dos desafios e necessidades do ambiente regulatório europeu face aos avanços tecnológicos da Inteligência Artificial e da economia digital, as oportunidades que oferecem e os riscos que envolvem. O Congresso procurará estabelecer seu programa de trabalho em um contexto interestadual, levando em consideração a necessidade de ação interestadual quando necessário, de acordo com os conceitos-chave da UE de subsidiariedade e proporcionalidade. O contexto econômico geral é o ponto de partida para esta análise rigorosa. 

Para tanto, foram definidos os seguintes blocos temáticos: 
[O Congresso começará com duas discussões de definição de cenário. Uma discussão cobrirá o estado das negociações do Brexit e, a esse respeito, o quadro legislativo interno do Reino Unido que se aplica. A outra discussão cobrirá a economia digital e sua contribuição para o crescimento econômico.] L 
  • O Congresso enfocará então (i) os avanços científicos no mundo digital e o ritmo das mudanças; e (ii) as oportunidades econômicas que esses avanços trarão, setor por setor; no entanto, o ritmo da mudança trará riscos para o interesse público mais amplo. Em resposta, uma série de fatores de equilíbrio terão que ser abordados. O Congresso tratará de uma seleção desses fatores.
A título de exemplo, em relação ao investimento financeiro no setor de tecnologia e mais amplamente, eles envolverão a consideração de fatores de governança corporativa, como a necessidade de investimentos socialmente responsáveis. A título de ilustração adicional, o Congresso se concentrará em até que ponto a economia digital precisará ser regulamentada além-fronteiras para proteger a privacidade; proteger o consumidor; para garantir a segurança e os negócios comfidecionalidade e preservar a concorrência leal e condições equitativas. 

Enquanto isso, enquanto as autoridades públicas lutam com as questões, existe um vácuo político. Como o Tribunal de Justiça da UE desenvolveu a sua jurisprudência na ausência de clareza política?
  • Como parte do quadro regulamentar geral, existe um desafio claro para a OCDE e a UE considerarem a criação de novas regras sobre como tributar modelos altamente digitalizados para ajudar a garantir condições de concorrência equitativas.
  • O Congresso terá como objetivo adotar uma abordagem analítica para a avaliação das oportunidades e riscos; ele irá discutir como equilibrar os diferentes interesses envolvidos e fará recomendações de acordo.
(*) Os participantes nas sessões preparatórias realizadas no  Fide Em Madrid:
Comissão Nacional do Mercado de Valores (CNMV), Banco da Espanha, Esquema Espanhol de Indenização de Investidores para Firmas de Investimento (Fundo Geral de Garantia de Investimento), Autoridade Espanhola de Concorrência e Regulamentação (CNMC), Conselho Econômico e Social, Secretário de Estado da União Europeia, os espanhóis Ministério das Relações Exteriores e Cooperação; 
BME Group (Bolsas de Valores e Mercados Espanhóis): Ministério do Desenvolvimento, Direção Geral do Tesouro, Ministério da Economia e Negócios, Escritórios de advogados, big four, Instituições financeiras, bancos, bancos de investimento, gestores de ativos e fundos de investimento, grandes corporações.
TÓPICOS 
  • Visita guiada em Oxford.
  • O desafio da Inteligência Artificial.
  • Brexit: é o desenlace final? Seis semanas até o novo dia de saída de 31 de outubro
  • A Revolução Digital e a Economia Global.
  • Conhecimento e progresso científico: o estado da arte em Inteligência Artificial, Big Data, Identidade Digital, Blockchain e outras tecnologias disruptivas.
  • Área de investimento e conhecimento financeiro (I). Ruptura digital em investimentos, mudanças de paradigma.
  • Área de investimento e conhecimento financeiro (II). Investimento socialmente responsável, (SRI). As implicações éticas das mudanças tecnológicas.
  • Desafios regulatórios (I): Defesa do consumidor e concorrência.
  • Desafios regulatórios (I): Big Data: proteção de dados
  • Desafios regulatórios (III): Inteligência Artificial (IA) e Economia de Dados: Legal & business implicações para a Indústria 4.0
  • Desafios regulatórios (IV): Big Tech Banking: regulação.
  • Desafios fiscais que surgiram para a economia digitalizada.
  • O desenvolvimento da jurisprudência do Tribunal de Justiça Europeu no que diz respeito aos avanços digitais.
PROGRAMA
 
Segunda-feira 16th setembro

Na primeira tarde, o Congresso será aberto e será foco em uma análise geral da revolução digital, economia europeia, Brexit e da UE e o estado global da economia mundial.

2.00h às 3.00h: Visita guiada por Oxford com Christopher Muttukumaru. Um momento de curtir uma cidade única.

3.30h3.50 - XNUMXhXNUMX: INSCRIÇÃO NO CONGRESSO.
 
3.50h4.00 - XNUMXhXNUMX: CONGRESSO BEM-VINDO.
  • Cristina Jiménez Savurido, Presidente e fundador, Fide Fundação.
  • Christopher Mutukumaru, CBDL.

4.00h4.30 - XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Palestrante principal
O DESAFIO DA INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL.
  • Sir Nigel Shadbolt FRS, Diretor do Jesus College, Oxford; Professorial Research Fellow em Ciência da Computação na Oxford University; Presidente do Open Data Institute         
4.30h4.50 - XNUMXhXNUMX: Chá / café - O Bastião

4.50h5.45-XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Painel de discussão
BREXIT: É A DENÚNCIA FINAL? SEIS SEMANAS ATÉ O NOVO DIA DE SAÍDA, 31 DE OUTUBRO. 
Situação atual do Brexit e da estrutura jurídica doméstica do Reino Unido.
  • Senhor Stephen Leis, KCB, QC (hon), advogado. Anteriormente Primeiro Conselho Parlamentar (2006-2012). Senior Research Fellow no Policy Exchange e Senior Associate Research Fellow no Institute of Advanced Legal Studies (IALS).
  • Christopher Mutukumaru, CB DL, advogado. Ex-Conselheiro Geral, Departamento de Transportes do Reino Unido. Consultor, Eversheds Sutherland (International) LLP e membro da FIDE Conselho Académico da Fundação.
  • Daniel Sarmiento, Professor de Direito Administrativo e da União Europeia na Universidad Complutense de Madrid. De Advogada, Uria Menéndez. Ex-secretário jurídico do Tribunal de Justiça da UE. Membro de FideConselho Acadêmico.
 5.45h6.30 - XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Painel de discussão
A REVOLUÇÃO DIGITAL E A ECONOMIA GLOBAL
  1. Impacto da digitalização na economia global.
  2. Espanha, Link de mercado com a América Latina.
  3. Regulamento: o que precisamos primeiro?
  • Joe Cassidy, Parceiro Líder para Infraestrutura de Mercado Global, Parceiro Principal Brexit, Parceiro Principal de Ética em Dados, KPMG Reino Unido
  • Alexander Neut, Economista Principal, BBVA.
  • Maria Alvarez Caro, Gerente de Políticas Públicas e Relações Governamentais da Espanha, Google, Doutor em Direito
Moderador:  Paulo Henninger, Diretor de Ciência de Dados, Ciência Digital, FTI Consulting.
 
7.15h7.30 - XNUMXhXNUMX - Jesus College - Sala de jantar

7.30h9.15 - XNUMXhXNUMX - Jantar de Boas-Vindas - Sala de jantar


Terça-feira, 17 de setembro

Durante o segundo dia do Congresso, o Congresso terá como foco o estado da arte da revolução digital, análise dos avanços científicos, oportunidades de investimento e critérios de investimento e desafios regulatórios em relação a big data, privacidade, proteção ao consumidor e concorrência, inteligência artificial e economia de dados: implicações jurídicas e de negócios para a indústria 4.0 e Tgrandes desafios surgidos para a economia digitalizada.
 
9.00h9.15 - XNUMXhXNUMX: Chá / café - O Bastião
 
9.15h10.00 - XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Painel de discussão
CONHECIMENTO E PROGRESSO CIENTÍFICO: O ESTADO DA ARTE EM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL, BIG DATA, IDENTIDADE DIGITAL, BLOCKCHAIN ​​E OUTRAS TECNOLOGIAS DISRUPTIVAS.
  1. Inteligência artificial: Evolução, estado da arte, automação inteligente e confiabilidade
  2. Big Data: análise das tecnologias de informação atuais. Exemplos de aplicação e benefícios. Riscos em seu desenvolvimento internacional.
  3. Aplicativos de última geração de Blockchain e outras tecnologias disruptivas.
  • Senen Barro Ameneiro, Professor de Ciência da Computação e Inteligência Artificial na Universidade de Santiago de Compostela.
  • Lasse Rouhianen, especialista internacional em inteligência artificial, tecnologias disruptivas e marketing digital.
  • Victor Garcia Pastor, CEO, Crypto-Pay.
Moderador: Antonio Lawler, GAM Systematic e Cantab Capital Partners.
 
10.00h11.00 - XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Painel de discussão
ÁREA DE INVESTIMENTO E CONHECIMENTO FINANCEIRO (I). DISRUPÇÃO DIGITAL NO INVESTIMENTO, MUDANÇAS DE PARADIGMA.
  1. Como investir - como lucrar com a interrupção
  2. Inteligência artificial e revolução de big data - como o aprendizado de máquina está mudando o cenário de investimentos.
  3. Crowdfunding - Poder para as pessoas.
  4. Capturando o impulso da tecnologia para a infraestrutura de mercados de capitais.
  • Mark Hawtin, Diretor de Investimentos, GAM Investments.
  • Antonio Lawler, GAM Systematic e Cantab Capital Partners.
  • Carlos Silva, Cofundador, Diretor Não Executivo, Seedrs.
  • Laura Sacristão, Diretor Comercial, Bolsas y Mercados Españoles, BME.
Moderador: Pedro Jácome, Diretor da GAM Investments.

11.00h11.30 - XNUMXhXNUMX: Pausa para o café - The Bastion
 
11.30h às 12.30h: Sessão plenária - Painel de discussão
ÁREA DE INVESTIMENTO E CONHECIMENTO FINANCEIRO (II). INVESTIMENTOS SOCIALMENTE RESPONSÁVEIS, (SRI). AS IMPLICAÇÕES ÉTICAS DAS MUDANÇAS TECNOLÓGICAS
  1. A evolução do investimento socialmente responsável na Europa.
  2. A importância das questões ambientais, sociais e de governança (ASG) no processo de investimento.
  3. Como a ciência de dados é o futuro dos investimentos em critérios ESG, Meio Ambiente, Social e Governança.
  4. Investimento de impacto.
  5. Desafios regulatórios e de conformidade.
  • Gareth Davis, Chefe de Soluções de Investimento Responsável, Columbia Threadneedle Investments.
  • Ben Constable-Maxwell, Chefe de Investimentos Sustentáveis ​​e de Impacto, M&G Investments.
Moderador: Professor Luca Enriques, Allen e Overy. Professor de Direito Corporativo, Oxford University.

12.30pm – 1.30pm: Hora do almoço - Refeitório
 
1.30h2.30 - XNUMXhXNUMX - Sessão plenária-painel de discussão
DESAFIOS REGULATÓRIOS (I): PROTEÇÃO DO CONSUMIDOR E CONCORRÊNCIA.
  1. Problemas de big data em geral do ponto de vista da concorrência e privacidade.
  2. Os prós e os contras da IA ​​/ Big data em ação: o caso do jogo eletrônico.
  3. Regulamento: onde colocar o ponto de partida.
  • Cani Fernandez, Diretor do Grupo de Direito Comunitário e Concorrência, Cuatrecasas.
  • João Espinosa, Diretor Geral / CEO, Diretoria Geral de Regulamentação de Jogos de Azar, Ministério das Finanças, Espanha.
Moderador: Ros Kellaway, Chefe Global de Concorrência e Regulamentação (e Brexit), Eversheds Sutherland (Internacional) LLP.

2.30h3.30 - XNUMXhXNUMX - Sessão plenária - Painel de discussão
DESAFIOS REGULATÓRIOS (II): BIG DATA: PROTEÇÃO DE DADOS.
  • Gonzalo Gallego Higueras, Sócio da prática de Propriedade Intelectual, Mídia e Tecnologia, Hogan Lovells.
  • Lupe Sampedro, Parceiro, Privacidade e proteção de dados, Bird & Bird.
Moderador: Ros Kellaway, Chefe Global de Concorrência e Regulamentação (e Brexit), Eversheds Sutherland (Internacional) LLP.

3.30h3.45 - XNUMXhXNUMX: pausa para o café - O Bastião

3.45:4.45 - XNUMX:XNUMX - Sessão plenária - Painel de discussão
DESAFIOS REGULATÓRIOS (III): INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL (AI) E ECONOMIA DE DADOS: IMPLICAÇÕES LEGAIS E DE NEGÓCIOS PARA A INDÚSTRIA 4.0
  • Javier Fernández Lasquetty, Sócio da Elzaburu SLP, especializado em Propriedade Intelectual e TIC, Elzaburu. Membro de Fide Conselho Académico da Fundação.
Moderador: Manuel Desantes, Professor de Direito Internacional Privado na Universidade de Alicante. Of Advogado, Elzaburu SLP.
 
4.45h5.15 - XNUMXhXNUMX: Sessão plenária - Palestrante principal
DESAFIOS FISCAIS APRESENTADOS PARA A ECONOMIA DIGITALIZADA.
  • Patrícia Lamprea, Auxílios estatais e especialista em impostos da UE. Professor de Impostos Credenciado, Instituto de Estudos do Mercado de Valores, IEB, Madrid. Ex-funcionário de política (de licença) em auxílios estatais fiscais, DG Concorrência, Comissão Europeia. Membro de Fide Conselho Académico da Fundação.
5.15h5.45 - XNUMXhXNUMX: Conclusões do 1º e 2º dia do Congresso.

7h-7h30: Bebidas à noite - Refeitório

7.30h9.15 - XNUMXhXNUMX: Jantar - Refeitório


Quarta-feira 18 de setembro

Durante este terceiro dia, o Congresso estará focado na análise da aplicação dos direitos regulatórios, regulamentação bancária de grande tecnologia e em ooutros desafios regulatórios levantados pela economia digital.
 
09.00h09.30 - XNUMXhXNUMX: Chá / café - O Bastião
 
09.30h10.30 - XNUMXhXNUMX - Sessão plenária - Painel de discussão
DESAFIOS REGULATÓRIOS (IV): BIG TECH BANKING: REGULAÇÃO.
  1. Plataformas de Big Tech e o setor bancário.
  2. Implicações da entrada das plataformas da Big Tech no banco de varejo e a resposta adequada dos reguladores e formuladores de políticas a esse novo desenvolvimento da indústria.
  • Miguel da Mão, Vice-presidente executivo do escritório da Compass Lexecon em Bruxelas.
  • Jorge Padilha, Diretor Executivo Sênior e Chefe da Compass Lexecon Europe.
  • Francisco Uria, Head Partner de serviços financeiros da KPMG para a região da EMA e Senior Partner da KPMG Abogados. Membro de Fide Conselho Académico da Fundação.
  • Maria Dolores Ramos Martinez, Chefe de Regulação Digital e de Negócios do Banco Santander.
Moderador: Jorge Padilla, Diretor Executivo Sênior e Chefe da Compass Lexecon Europe.
 
10.30h11.00 - XNUMXhXNUMX - Sessão plenária - Palestrante principal
O TRIBUNAL DE JUSTIÇA EUROPEU DESENVOLVIMENTO DA SUA JURISPRUDÊNCIA NO QUE RESPEITA AOS AVANÇOS DIGITAIS.
  • Professora Ulla Neergaard, Professor de Direito da UE, Faculdade de Direito da Universidade de Copenhague.
11.00h11.30 - XNUMXhXNUMX: Coffee Break - The Bastion
 
11.30h12.30 - XNUMXhXNUMX - Grupos de trabalho paralelos sobre desafios regulatórios:
Os participantes dos diferentes grupos de trabalho serão convidados a passar para outra sala onde terá lugar um debate sobre cada um dos temas do grupo a serem analisados ​​e discutidos, para depois voltarem a uma sessão plenária em que o líder de cada grupo apresentará suas conclusões e propostas.
  • DESAFIOS REGULATÓRIOS (Grupo I): Defesa do consumidor e concorrência.
                  Liderado por Cani Fernández, Diretor do Grupo de Direito Comunitário e Concorrência, Cuatrecasas.
  • DESAFIOS REGULATÓRIOS (Grupo II): Big Data, privacidade.
                  Liderado por Gonzalo Gállego Higueras, Sócio da prática de Propriedade Intelectual, Mídia e Tecnologia, Hogan Lovells.
  • DESAFIOS REGULATÓRIOS (Grupo III): Inteligência Artificial (IA) e economia de dados: Implicações jurídicas e de negócios para a indústria 4.0.
                  Liderado por Manuel Desantes, Professor de Direito Internacional Privado na Universidade de Alicante. Of Advogado, Elzaburu SLP.
  • DESAFIOS REGULATÓRIOS (Grupo IV): Big Tech Banking: regulação.
                  Liderado por Jorge Padilla, Diretor Executivo Sênior e Chefe da Compass Lexecon Europe.

 
12.30h1.30 - XNUMXhXNUMX: Almoço - Refeitório

1.30h2.30 - XNUMXhXNUMX - Sessão plenária - Conclusões sobre Desafios regulatórios.
Conclusões e propostas discutidas pelos grupos de trabalho será endereçado por líderes de GRUPOS DE DESAFIOS REGULATÓRIOS.

Moderador: Juan Mora-Sanguinetti, Economista Sênior, Banco da Espanha - Eurosistema. (As opiniões expressas são pessoais e não devem ser atribuídas ao Banco de España ou ao Eurosistema).

 
2.30h2.45 - XNUMXhXNUMX - Encerramento do Congresso e conclusões.
 
2.45h3.00 - XNUMXhXNUMX: Chá / café The Bastion - The Bastion
            
(*) Os horários especificados no programa são definitivos,
mas eles podem ser alterados por ajustes de última hora.
CAIXAS DE SOM
MARIA ALVAREZ CARO
Gerente de Políticas Públicas e Relações Governamentais Google Espanha e Portugal desde abril de 2018. Anteriormente, ela era Economista Principal de Regulação Digital no BBVA, BBVA Research, desde julho de 2016. Antes de ingressar no grupo Bancário Espanhol, ela trabalhou como Gerente de Relações Públicas e Institucionais na a Associação Espanhola de Economia Digital (Adigital). Professor associado em várias universidades. Autor do livro «Direito ao esquecimento na Internet: o novo paradigma da privacidade na era digital», coleção de Direito Digital, Editorial Reus, 2015. Cátedra Google de Privacidade, Sociedade e Inovação (Universidade San Pablo CEU) Pesquisa Internacional Prêmio (2014). Advogado associado do ICAM. Graduado em Direito pela Universidade de Oviedo e Doutor em Direito (summa cum laude) pela Universidade San Pablo CEU. MBA pela IE Business School. LL.M em Direito à Proteção de Dados, Acesso à Informação e Transparência pela Universidade San Pablo CEU. Membro do Comitê Científico da Revista “Direito Digital e Inovação”, Diario La Ley-Wolters Kluwer.
SENEN CLAY AMENEIRO
Diretor científico do CiTIUS-Centro de Pesquisa em Tecnologias Inteligentes da Universidade de Santiago de Compostela. Ele nasceu em As Pontes (A Coruña, Espanha). Formou-se em Física pela Universidade de Santiago de Compostela (USC) e obteve o doutorado com distinção na mesma universidade. Ex-reitor de sua universidade de 2002 a 2010. É diretor científico do CiTIUS-Centro de Pesquisa em Tecnologias Inteligentes da USC e é autor de sete livros e mais de 300 artigos científicos, principalmente na área de Inteligência Artificial . Ele é um dos fundadores da Situm Technologies, um spin-off de sua universidade.
JOE CASSIDY
Parceiro Líder para Infraestrutura de Mercado Global, Parceiro Principal Brexit, Parceiro Principal de Ética em Dados, KPMG UK. Ele traz mais de 30 anos de experiência em serviços pan-financeiros, em toda a gama de disciplinas - desde tecnologia de banco de varejo e design de sistemas de pagamentos seguros, por meio de gestão de ativos e patrimônio, até a gestão de linhas de negócios globais em mercados de capitais e o estabelecimento de JV / Empresas de Serviços Compartilhados e Utilities. Ele também atuou em uma série de funções de Liderança de Dados, incluindo Diretor de Dados Globais Interino para um Banco Global e representa a KPMG no UK Fintech Strategy Group, ajudando a Fintech a levantar capital nas áreas de Data Services e RegTech.
BEN CONSTABLE-MAXWELL
Chefe de Investimentos Sustentáveis ​​e de Impacto, M&G Investments. Entrei na M&G em 2003 como redator sênior de investimentos cobrindo ações globais e europeias. Desde então, ele se juntou à equipe de especialistas em investimento que apoia a gama de produtos de ações globais, com responsabilidade particular pelo M&G Global Basics Fund, foi Diretor Associado de Finanças Corporativas e Administração, Diretor de Finanças Corporativas, Administração e Investimento Responsável e, finalmente, Chefe de Sustentabilidade e investimento de impacto. Ben passou quatro anos na Invesco Perpetual Asset Management. Ele se formou na Newcastle University com honras em clássicos.
GARETH DAVIES
Chefe de Soluções de Investimento Responsável da Columbia Threadneedle Investments. Responsável pela estratégia de distribuição comercial para os negócios de Investimento Responsável Global da empresa. Ele também é diretor fundador da Fundação Columbia Threadneedle, que visa aumentar o compromisso da empresa de investir na comunidade. Anteriormente, ele ocupou o cargo de Chefe de Relações Estratégicas Globais, responsável por coordenar a estratégia de distribuição da empresa e vendas de clientes globais de private banking. Gareth está envolvido em uma série de iniciativas da indústria e do governo que visam direcionar o capital privado para o bem público e, para esse fim, trabalhou em estreita colaboração e aconselhou o Gabinete do Governo do Reino Unido e o Tesouro de Sua Majestade na integração do investimento social, garantindo que mais mecanismos para se conectar capital privado com serviços públicos. Em 2016, foi nomeado pelo Governo Britânico como membro do Grupo Consultivo de Assessoria e Distribuição de Impacto Social do Reino Unido. Gareth já concorreu ao parlamento nacional na Grã-Bretanha e ocupou vários cargos de consultoria e campanha na política nacional do Reino Unido por mais de uma década.
MIGUEL DE MÃOS DADAS
Vice-presidente executivo do escritório da Compass Lexecon em Bruxelas.
MANUEL DESANTES
Professor de Direito Internacional Privado na Universidade de Alicante desde 1992 e Membro do Conselho da empresa Elzaburu. Vice-presidente do Júri de Design espanhol, Vice-presidente do Conselho de Valenciá do Movimento Europeu, Comissário do governo francês para a criação da École de l'innovation et de l'immatériel e correspondente na Espanha da Fondation pour le Continental Droit, Paris. Ex-Vice-Presidente do Instituto Europeu de Patentes (Munique), Ex-Vice-Reitor e Reitor Interino da Universidade de Alicante, Ex-Diretor e fundador do Magister Lvcentinvs (Mestre em Propriedade Industrial e Intelectual) da Universidade de Alicante e Ex-Membro do Serviço Jurídico da Comissão Europeia. Vogal da Fundação Eisenhower, Vogal do Conselho Social da Cidade de Alicante e Vogal da Direcção da Fundação Auditório da Diputación Provincial de Alicante ADDA.
LUCA ENRIQUES
Allen e Overy. Professor de Direito Corporativo, Oxford University. Membro da Faculdade de Direito da Universidade de Bolonha (1999-2007). Durante esse período, foi consultor da Cleary Gottlieb Steen & Hamilton e assessor do Ministério da Economia e Finanças da Itália. Foi Comissário da Consob, a Comissão Italiana de Valores Mobiliários entre 2007 e 2012 e Professor de Direito Empresarial na Universidade LUISS em Roma em 2013-14. Nomura Professor Visitante de Sistemas Financeiros Internacionais na Harvard Law School (2012-13), Cornell Law School (1999 e 2000), no Instituto de Impresa em Madrid (2005), na Radzyner School of Law no Interdisciplinary Center Herzliya (2013-14 ) e a Faculdade de Direito da Universidade de Cambridge (2014-15). Ele publicou amplamente nas áreas de direito societário, governança corporativa e regulamentação financeira. É Editor da Série de Documentos de Trabalho em Direito do European Corporate Governance Institute (ECGI), ECGI Research Fellow e um dos coeditores do Oxford Business Law Blog. Estudei Direito na Universidade de Bolonha. LLM na Harvard Law School. Doutorado em Direito Empresarial pela Universidade Bocconi.
JOÃO ESPINOSA
Diretor Geral / CEO, Direção Geral de Regulamentação de Jogos de Azar, Ministério das Finanças, Espanha. Ele atua como Diretor-Geral de Regulamentação de Jogos de Azar desde sua nomeação pelo Real Decreto 753/2016, de 30 de dezembro. Nessa função, ele lidera a organização responsável pela regulamentação, aplicação e supervisão de jogos de azar em todo o estado, apostas e outros jogos de azar, incluindo jogos de azar online e loterias. Antes de sua nomeação como Diretor-Geral de Regulamentação de Jogos de Azar em 30 de dezembro de 2016, ele atuou como Diretor-Geral Adjunto de Regulamentação de Jogos de Azar desde julho de 2013. Antes disso, trabalhou extensivamente na área de Legislação e Política de Concorrência em todos os setores econômicos , de seu mandato de cinco anos como Diretor Adjunto (Relações com as Administrações Públicas) na Divisão de Advocacia da Comissão Nacional de Concorrência da Espanha, e outros cargos anteriores nessa Autoridade de Concorrência. Ex-lecionou também o curso de Direito Administrativo e Regulação Econômica na Universidade Dual LLB-BA do IE. Ele possui uma licenciatura em Direito (Universidade de Granada), um MSc em Política Europeia e Internacional (Universidade de Edimburgo) e um MA em Economia para o Direito da Concorrência (University of London- King's College) e é membro do High Corps of Civil Serviço na Espanha.
CANI FERNANDEZ VICIEN
Diretor do Grupo de Direito Comunitário e Concorrência de Cuatrecasas. Antigo reenvio do Tribunal de Justiça Europeu; Oficial da Força-Tarefa Internacional da Seção Antitruste da American Bar Association; Membro do Conselho da International Bar Association; NGA da Comissão Europeia e da CNMC espanhola perante o ICN; É professora de Direito da Concorrência na Escola de Pós-Graduação em Economia de Barcelona e na Escola de Economia e Direito Europeu de Toulouse na Universidade Carlos III de Madrid. Aconselha as principais empresas espanholas e internacionais em matéria de direito da concorrência espanhola e europeia, incluindo aconselhamento sobre controlo de fusões, questões antitrust (defesa de clientes em investigações por autoridades nacionais e europeias em relação a cartéis e abuso de domínio) e litígios nestas áreas. Ela também representou a Comissão Europeia perante o TJE em vários processos de contratação pública e mercado interno. Em 2018, as câmaras distinguiram-na com o «Prêmio Contribuição de Destaque para a Profissão Jurídica»
JAVIER FERNANDEZ-LASQUETTY
Sócio da Elzaburu SLP, especializado em Propriedade Intelectual e TIC, Elzaburu. Aparece nos principais diretórios jurídicos internacionais. Desde 1988, é Professor de Propriedade Intelectual na IE Law School, Instituto de Empresa, em vários programas de Mestrado em Direito, e desde 2002 é Diretor do Programa de IP Avançado daquela instituição. Painelista do Centro de Arbitragem e Mediação da OMPI. Presidente da Associação Espanhola de Direito da Moda. Membro do conselho do DENAE (Associação Espanhola de Direito do Entretenimento). Membro ativo de associações profissionais de seu setor como AIPPI, ALADDA, LES e INTA. Membro de FideConselho Acadêmico e Co-diretor do Fórum de Propriedade Intelectual do Século XXI.
GONZALO GÁLLEGO HIGUERAS
Sócio da prática de Propriedade Intelectual, Mídia e Tecnologia na Hogan Lovells, Madrid. Ele é especializado em proteção de dados e cibersegurança, leis de TI, leis de direitos autorais e propriedade intelectual comercial. Ele assessora em transações de Outsourcing (ITO e BPO); Contratos de TI e software, proteção de dados e privacidade; assinaturas eletrônicas; telecomunicações; licenciamento e distribuição de direitos autorais (obras audiovisuais, música, videogames, etc.); comércio eletrônico; nomes de domínio e questões legais relacionadas à Internet, direitos de personalidade e publicidade. É autor de diversas publicações na área de Direito da Informática e palestrante regular em cursos e congressos sobre o assunto. Além disso, é professor associado de Direito da Informação e da Comunicação na Universidade Carlos III de Madrid.
PASTOR VICTOR GARCIA
CEO da Crypto-Pay. Empreendedor e geek de tecnologia, que criou diversos negócios no setor de tecnologia. Especialista em segurança digital. Atua nessa área há mais de sete anos em diversas empresas públicas e órgãos governamentais. Agora ele é o líder da start-up Cripto-Pay.com, gerente principal de pagamentos da Bitcoin & Altcoins na Espanha e dirige uma equipe de desenvolvimento focada na tecnologia blockchain. É também mentor do instituto europeu de empreendedorismo na área da tecnologia, além de participar como líder tecnológico em diversos projetos sociais.
MARK HAWTIN
Diretor de Investimentos responsável por administrar fundos globais long-only e long / short que investem no setor de tecnologia. Antes de ingressar na GAM Investments em outubro de 2008, ele foi sócio e gerente de portfólio da Marshall Wace Asset Management por oito anos, administrando um dos maiores fundos de hedge de tecnologia, mídia e telecomunicações da Europa. Mark Hawtin passou sete anos na Enskilda Securities, inicialmente como chefe de vendas, antes de assumir a responsabilidade pelo negócio de ações internacionais, supervisionando pesquisas pan-europeias e atividades de negociação e cerca de um quarto da equipe de banco de investimento. Ele está baseado em Londres.
PAUL HENNINGER
Diretor de ciência de dados, ciência digital, FTI Consulting. Ele está na prática de Dados e Análise no segmento de Consultoria Forense e Litígio. Ele é um especialista em análise preditiva e um especialista no assunto em estratégia de cliente e fraude em vários setores. Por 18 anos, ele trabalhou para usar dados e análises para resolver uma ampla gama de problemas comerciais, de segurança, de clientes, de fraude e de risco para clientes. Ele construiu negócios de análise na KPMG, BAE Systems, NICE Actimize e FICO. Mais recentemente, ele liderou a prática de ciência de decisão e análise de clientes na KPMG UK e construiu o negócio de soluções de crime financeiro na NICE Actimize trabalhando em estreita colaboração com os clientes para estabelecer uma abordagem prática para o gerenciamento de risco, liderando em última análise toda a organização de produtos da Actimize.
GLÓRIA HERNANDEZ
Sócio da Finreg360. Anteriormente, trabalhou na Deloitte onde foi sócia responsável pela regulação financeira, na Bolsa de Valores de Madrid, em Cuatrecasas Abogados e no Banco Interamericano de Desenvolvimento. Gloria é licenciada em Direito pela Universidade Complutense de Madrid e mestre em Direito Financeiro e de Valores Mobiliários pela Universidade de Georgetown. Ela foi premiada com uma bolsa Fulbright. Ela é membro do conselho de administração da Associação Espanhola de Conformidade (ASCOM) e membro fundador da EJE & CON (a associação espanhola de mulheres em cargos executivos e conselhos de administração).
PEDRO JACOME
Diretor responsável por construir e estreitar relacionamentos na América Latina no GAM. Anteriormente, ele foi analista sênior de desempenho de fundos e gestão de risco com foco em renda fixa. Antes de ingressar na GAM Investments em julho de 2011, passou cinco anos no Millennium BCP, com sede em Londres e Genebra, gerindo carteiras de clientes privados. Iniciou a sua carreira no Banco Finantia na mesa de Renda Fixa para Mercados Emergentes com base em Lisboa e São Paulo. Pedro Jácome possui um MBA pela Universidade de Oxford e um BA em Economia pela Nova School of Business and Economics, Lisboa.
ROS KELLAWAY
Chefe Global de Concorrência e Regulamentação (e Brexit), Eversheds Sutherland (Internacional) LLP. Co-presidente global do Grupo de Concorrência, UE e Comércio de Eversheds Sutherland e é parceira em nossa prática comercial desde 1989. Ela é especializada em cartéis, investigações de concorrência, distribuição e estudos / investigações de mercado, e também presta consultoria em todos os aspectos da UE lei. Ela atua para grandes empresas dos setores automotivo, de consumo, energia, serviços financeiros, alimentos, seguros e farmacêutico. Seus clientes incluem Pentland Brands, The Finance & Leasing Association, Volkswagen Group, RWE e Volvo. Ela foi reconhecida por muitos anos como uma pessoa importante no Chambers Guide to the Legal Profession. Ela também é consistentemente reconhecida no The World Leading Lawyers and Legal 500 em direito da concorrência e consultoria Brexit. Em março de 2017, a equipe de Ros ganhou o Prêmio da Competição Global de «Assunto Comportamental do Ano - Europa» por seu trabalho na investigação de cartéis de caminhões da Comissão Europeia, que resultou no primeiro acordo da UE após o recebimento de uma Comunicação de Objeções . Ros é membro do Joint Bar Council e do Law Society Working Party sobre Direito da Concorrência.
PATRÍCIA LÂMPADA
Auxílio estatal e especialista fiscal da UE. Professor Tributário Credenciado. A Dra. Patricia Lampreave é Advogada com mais de 20 anos de experiência em Tributação Internacional / Europeia como Diretora Tributária de MNEs (Grupo Cepsa, Grupo Ferrovial ou Grupo ONO). Começou a sua carreira na Comissão Europeia em TAXUD e em 2014 regressou à mesma instituição como Especialista Fiscal Internacional na DG Concorrência (auxílio fiscal do Estado) até 2018. Regressou ao mundo académico como Professora acreditada pelo Ministério da Educação espanhol (ANECA) e leciona Direito Tributário e Financeiro e Planejamento Tributário e Política Tributária da UE em várias Business Schools International. Sua área de especialização é: Tributação Internacional, Tributação Europeia, Auxílio Fiscal do Estado. Ela é formada em Direito pela ICADE University, Maîtrise em Economia Internacional e Direito Europeu (Université de Lovain-la Neuve), um diploma avançado em economia (UNED) e um doutorado em Direito Tributário Internacional com honras extraordinárias. Foi professora visitante, entre outras, na Harvard Law School (EUA), na Université Libre de Bruxelles (Bélgica), na Georgia State University (EUA), na Hong-Kong University, na Shanghai University (China) ou na University College of London. Ela publica regularmente em revistas fiscais espanholas e internacionais e colabora com a mídia econômica (rádio, diários econômicos).
ANTHONY LAWLER
Chefe da GAM, supervisão sistemática da oferta de investimento quantitativo da GAM e gerente de portfólio da estratégia alternativa de premiação de risco. Entrei na GAM em novembro de 2011, depois de passar oito anos com o Man Group com base em Londres e Chicago, recentemente como chefe de gestão de portfólio, liderando uma equipe global que cobre todos os mandatos multigestores da Man Investments. Isso se seguiu ao seu papel como chefe de pesquisa de fundos de hedge na Man Glenwood. Antes do Man Group, ele foi analista de pesquisa de ações na Prudential Securities e gerente na empresa de capital de risco Castling Group. Ele começou sua carreira como analista de fusões e aquisições na Merrill Lynch. Ele possui um MBA em Finanças e Economia pela Booth School of Business da University of Chicago e um bacharelado (mais alta distinção) em Finanças pela University of Illinois. Ele está baseado em Londres.
LEIS DE SIR STEPHEN
KCB, QC (hon), advogado. Anteriormente, Primeiro Conselheiro Parlamentar e Pesquisador Associado Sênior, IALS (Instituto de Estudos Jurídicos Avançados). Membro sênior da Policy Exchange.
JOÃO MORA-SANGUINETTI
Economista Sénior do Banco de Espanha – Eurosistema, onde foi também Presidente da Ordem dos Economistas, e Advogado (membro da Ordem dos Advogados de Madrid). É professor convidado de Direito e Economia na Universidad Complutense de Madrid e CUNEF. Entre 2010 e 2011 foi economista do Departamento de Economia da OCDE (Paris), responsável pela análise das economias de Espanha e Suíça. Anteriormente, trabalhou na Arthur Andersen, Deloitte e no Departamento de Economia da Universidade Carlos III. Foi pesquisador visitante na University of Iowa (EUA) e na Singapore Management University. É formado em Economia e em Direito pela Universidad Carlos III de Madrid. Recebeu o prêmio de melhor registro acadêmico na dupla titulação e o prêmio extraordinário da Universidade em Direito. Ele também possui um Mestrado em Pesquisa em Economia pelo Instituto Universitário Europeu de Florença. Eu recebi seu Ph.D. (menção europeia) “cum laude” em Economia (História Econômica e Instituições) pela Universidad Carlos III de Madrid. Em 2018 recebeu o prêmio de excelência como ex-aluno de destaque da Universidad Carlos III, em comemoração ao décimo aniversário desses prêmios. Ele é membro de FideConselho Acadêmico. Tem mais de 50 publicações, incluindo artigos em revistas internacionais como Economic Modeling, Small Business Economics, International Review of Law & Economics ou European Journal of Law & Economics.
CHRISTOPHER MUTTUKUMARU
CB DL, advogado. Ex-Conselheiro Geral, Departamento de Transportes do Reino Unido. Consultor, Eversheds Sutherland (International) LLP. Membro de FIDE Conselho Académico da Fundação. Muttukumaru foi membro do Monckton Chambers no Gray's Inn, em Londres, de 2014 a 2018. Christopher foi anteriormente Conselheiro Geral do Departamento de Transportes do Reino Unido, onde foi o Conselheiro Jurídico Chefe de oito Secretários de Estado de Transportes sucessivos entre 2001 e 2013. Como Geral Advogado, ele também foi membro do Conselho Executivo da DfT. No início de sua carreira, foi Diretor Jurídico do Departamento de Meio Ambiente, Transportes e Regiões, bem como do Departamento de Cultura, Mídia e Esporte. Foi o principal consultor jurídico em questões de Direito Comunitário no Gabinete do Procurador-Geral. Tem estado envolvido no aconselhamento de Ministros em questões de Direito Público, bem como em questões de Direito Europeu e Internacional, ao longo de muitos anos. Por exemplo, no Gabinete do Advogado, ele esteve envolvido no litígio do Factortame; na DfT, ele tratou do pedido do governo do Reino Unido para aprovação de auxílio estatal para o financiamento da Network Rail; e, como Assessor Jurídico Adjunto do Ministério da Defesa, foi membro sênior da delegação diplomática do Reino Unido que negociou a criação do Tribunal Penal Internacional nas Nações Unidas. Christopher foi educado na Universidade de Oxford e é um Bencher no Gray's Inn (o Conselho Governante do Inn). Possui doutorado em direito (honoris causa) pela City University (parte da London University). Foi vice-presidente do Conselho Consultivo da Faculdade de Direito da City University por muitos anos. Christopher escreveu extensivamente e falou no Reino Unido e na UE sobre assuntos como cooperação jurídica internacional e questões legais do Brexit. Ele é um deputado do Lord Lieutenant for Greater London. Membro de Fide's Academic Council (sediado em Londres).
ULLA NEERGAARD
Professor de Direito da UE, Faculdade de Direito da Universidade de Copenhague. Ela também tem experiência substancial em cargos não executivos seniores no setor público na Dinamarca. Anteriormente, ela foi presidente de uma importante instituição profissional jurídica em toda a UE, que coordena a contribuição de especialistas em questões significativas do direito da UE. Ela teve várias nomeações como “membro especialista” em vários conselhos / comitês. Mais recentemente, ela foi membro do Conselho de Permissão de Recursos. Ela é membro do conselho consultivo da Common Market Law Review e do Nordic Journal of European Law, e é membro do conselho editorial da “Europarättsligt Tidskrift”. Ela é frequentemente usada como revisora ​​por pares, entre outros para Oxford University Press e Cambridge University Press. Ela também atua como assessora de doutorado. teses e em relação a nomeações acadêmicas seniores. Ela é responsável por muitos dos cursos de direito da UE (BA e MA) na Faculdade de Direito da Universidade de Copenhague, que se concentram principalmente no mercado interno. Ela obteve seu Ph.D. no Instituto Universitário Europeu, Florença.
ALEJANDRO NEUT
Economista Principal, BBVA. Ele é o Economista Principal da Unidade de Economia Digital, onde lidera uma equipe que avança e coordena pesquisas sobre os impactos das transformações tecnológicas em curso nas economias, indústrias e mercados. Anteriormente, no BBVA Research, cobri análise global de longo prazo (Madrid), mercados financeiros globais (Madrid), economia dos Estados Unidos (Nova York) e economias latino-americanas (Madrid). Ele também trabalhou vários anos em Paris no Centro de Desenvolvimento da OCDE, cobrindo a América Latina e o Sudeste Asiático. Ele obteve um PhD em Economia pelo MIT, bem como um MS em Política Econômica, e um diploma avançado em Engenheiro Civil (MS equivalente em Matemática) pela Universidad de Chile. Paralelamente à sua principal linha de trabalho, ministrou cursos na Science Po e na Universidad de Chile.
JORGE PADILHA
Diretor Executivo Sênior e Chefe da Compass Lexecon Europe. Ele é Pesquisador Fellow no Centro de Estudios Monetarios y Financieros (CEMFI, Madrid) e leciona Economia da Competição na Escola de Pós-Graduação em Economia de Barcelona (BGSE). Ele prestou depoimento especializado perante as autoridades de concorrência e tribunais de vários Estados-Membros da UE, bem como em casos perante a Comissão Europeia. O Dr. Padilla apresentou depoimento escrito ao Tribunal Geral Europeu e ao Tribunal de Apelações da Concorrência do Reino Unido em casos de cartel, controle de fusão e abuso de posição dominante. Ele também prestou testemunho especializado em vários litígios civis (danos), casos de arbitragem internacional e casos de concorrência em jurisdições fora da UE (Argentina, Chile, China, Colômbia, Índia, Israel, Jamaica, África do Sul e Turquia). O Dr. Padilla escreveu vários artigos sobre política de concorrência e organização industrial. Ele também é co-autor de The Law and Economics of Article 102 TFUE, 2nd edition, Hart Publishing, 2013.
MARIA DOLORES RAMOS
Chefe de Regulação Digital e de Negócios do Banco Santander desde 2015. É membro do Exco Digital da EBF e do Comitê Digital da AEB. Experiência anterior como Head de Políticas Públicas de Banco de Atacado no Banco Santander por 3 anos, gestor de fundos garantidos, estruturados e indexados no Santander Asset Manager, por 12 anos, 8 deles como chefe de equipe. Anteriormente, trabalhou por 7 anos com vendas de produtos derivados do mercado organizado no Banesto Bolsa.
LASSE ROUHIAINEN
Especialista internacional em inteligência artificial, tecnologias disruptivas e marketing digital. Ele é o autor de Inteligência artificial: '101 coisas que você deve saber hoje sobre nosso futuro' e um especialista internacional em inteligência artificial, tecnologias disruptivas e marketing digital. Ele é membro do conselho consultivo da ROYBI, uma empresa que produz um robô educacional com IA para crianças pequenas, e 1MillionBot, um provedor inovador de chatbot baseado em IA. Ele deu palestras, seminários e workshops em mais de 16 países ao redor do mundo e mantém conferências frequentes em várias universidades internacionais.
LAURA SACRISTÃO
Diretor Comercial, Grupo BME. Profissional voltado para resultados com Global Business Insight em indústrias de tecnologia e serviços financeiros internacionais. Antes dessa posição, ela foi diretora-gerente e vice-presidente do Saxo Bank, onde gerenciava o desenvolvimento de negócios institucionais para os países de língua espanhola na América Latina. Antes do Saxo Bank, Sacristán ganhou grande experiência em um grupo internacional de tecnologia listado como Investidor e Diretor de Estratégia. Sacristan também trabalhou em empresas internacionais de tecnologia liderando equipes multiculturais que desenvolveram diversos projetos em instituições bancárias e corretoras espanholas. Sacristán é graduada em Administração e possui mestrado em Mercados e Ativos Financeiros pela Universidad Complutense de Madrid. Em 2011 concluiu o Programa de Gestão Geral na IESE Business School (Universidade de Navarra). Ela fala regularmente em eventos e colabora frequentemente com algumas universidades espanholas e latino-americanas em palestras e artigos de tecnologia.
LUPE SAMPEDRO
Lupe é parceira da Área Internacional de Privacidade e Proteção de Dados da Bird & Bird. Seu trabalho cobre toda a gama de consultoria sobre privacidade e proteção de dados, desde a criação e desenvolvimento de programas de privacidade e a elaboração e implementação de BCRs até consultoria em pesquisa e procedimentos legais. Com vasta experiência no setor FinTech, além de sua ampla prática em Privacidade e Proteção de Dados, ela também assessora em transações de TI e M&A. Seus clientes vêm de uma ampla gama de setores da indústria, incluindo Tech & Comms, automotivo, serviços financeiros, ciências da vida e saúde, mídia e varejo e consumidor.
DANIEL SARMIENTO
Professor de Direito Administrativo e da União Europeia na Universidad Complutense de Madrid. De Advogada, Uria Menéndez. Ex-secretário jurídico do Tribunal de Justiça da UE. É autor de vários livros “Judicial Power and European Integration” (Thomson-Civitas, 2004), “The Administrative Soft Law” (Thomson-Civitas, 2007), “Proportionality control of the Administrative Activity” (Tirant lo Blanch, 2004). ). Membro de FideConselho Acadêmico.
SIR NIGEL SHADBOLT FRS
Diretor do Jesus College, Oxford; Professorial Research Fellow em Ciência da Computação na Oxford University; presidente do Open Data Institute. Desde 2009, ele ajudou a transformar o acesso público às informações do governo. Com mais de 500 publicações, ele pesquisa ciência da computação, inteligência artificial, dados abertos e ciência da web. Em 2013, ele foi premiado com o título de Cavaleiro por serviços para a ciência e engenharia. Ele é membro do Conselho Consultivo de Dados e, em 2015, o Chanceler o convidou para Co-Presidente da Força-Tarefa Francesa de Dados do Reino Unido. Em 2018 publiquei The Digital Ape: como viver (em paz) com máquinas inteligentes, descrito como um 'livro de referência'.
CARLOS SILVA
Co-fundador, diretor não executivo, Seedrs, a plataforma de crowdfunding de capital líder na Europa, e sócio da Faber Ventures. É membro fundador da Beta-I, entidade portuguesa sem fins lucrativos de promoção do empreendedorismo e inovação e mentor de vários programas de aceleração (Seedcamp, Lisbon Challenge, Founder Institute, etc.). Ele também atua como conselheiro e membro do conselho em várias start-ups inovadoras. Foi distinguido com o prémio Young Gun no Reino Unido, para os indivíduos com menos de 35 anos mais promissores, e foi distinguido como um dos 40 under 40 portugueses. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Superior Técnico e tem um MBA pela Universidade de Oxford
Francisco Uria
Head Partner de serviços financeiros da KPMG para a região da EMA e Senior Partner da KPMG Abogados. Ele é Ph.D. em Direito pela Universidade Complutense, Advogado do Estado (atualmente em licença) e membro da Ordem dos Advogados de Madrid. Atualmente é Senior Partner da KPMG Abogados. Além disso, também ocupou cargos de Adjunto Técnico Geral do Ministério da Fazenda (1999-2000), Secretário Geral Técnico do Ministério da Fazenda (2000-2002), Vice-Ministro (Subsecretário) do Ministério da Fazenda (2002-2004), Secretário Geral Vice-Secretário e Chefe do Departamento Jurídico da Associação Espanhola de Bancos (AEB) (2004–2010). Além disso, ocupou cargos de Secretário Geral Adjunto e Chefe de Jurídico e Fiscal da AEB, membro do Comitê Jurídico da Federação Bancária Europeia (2004-2010), e Presidente do Comitê Fiscal da AEB e membro do Conselho Fiscal da Federação Bancária Europeia (2005). -2010). Foi administrador, entre outros, da National Industries Participations Corporation (SEPI), da AENA e do GIF (atualmente extinto). Ele é Membro de FideConselho Acadêmico.
PROFESSOR EMÉRITO DERRICK WYATT
Anteriormente professor de Direito da UE em Oxford. Anteriormente. Ele é um professor de direito aposentado. Eu lecionei Direito da UE, Direito Internacional e Direito Constitucional na Universidade de Oxford. Ele é autor de várias publicações jurídicas. Ele exerceu a advocacia até 2018, defendendo mais de 100 casos perante os tribunais europeus em Luxemburgo e prestando consultoria jurídica a empresas e governos. Desde o referendo do Brexit, ele informou a mídia, advogados e provedores de serviços financeiros sobre as questões do Brexit e o provável curso das futuras negociações comerciais entre o Reino Unido e a UE. Ele compareceu perante as Comissões Parlamentares do Reino Unido e deu provas sobre o processo Brexit e sobre os efeitos de um não acordo.
Palavras do Diretor do Congresso, Christopher Muttukumaru
* | END: WEB_VIDEO | *
INFORMAÇÕES GERAIS

LOCALIZAÇÃO:
JESUS ​​COLLEGE, OXFORD

Jesus College combina excelência acadêmica em ensino e pesquisa com uma comunidade informal, vibrante e solidária. Foi fundada em 1571 pela Rainha Elizabeth I, a pedido de um advogado e clérigo galês, Hugh Price. O compacto site da faculdade central tem belos quadrantes aninhados fora da Turl Street, bem no coração de Oxford.
Site: www.jesus.ox.ac.uk/


Endereço:
Faculdade de Jesus
Universidade de Oxford
Turl Street, Oxford, OX13DW
Telefone (01865) 279700

Data e Local: O programa será realizado nos dias 16, 17 e 18 de setembro, no Jesus College, em Oxford. 

Idioma: Inglês. 

Taxa de inscrição: € 750, incluindo almoços, cafés e jantares durante o Congresso, documentação, assistência e apoio nas providências relativas à hospedagem e transporte. Fide Da fundação Conselho Acadêmico membros e Conselho Consultivo de Negócios terá um 5% de desconto sobre a taxa de inscrição. Viagens e traslados para Oxford e acomodações não estão incluídos nesta taxa de inscrição.

Cadastro: Fide Fundação (+34 91 435 92 39 ou fideFundação@fidefundação.es). 

Para mais informações, favor contatar: carmen.hermida@fidefundação.es / victoria.dallago@fidefundação.es 

Contacto

Preencha o formulário e alguém de nossa equipe entrará em contato com você em breve.